Impermeabilização

Como impermeabilizar parede externa com pintura para evitar umidade?

A impermeabilização é cada vez mais necessária tanto nas paredes internas, como externas.

Esse tipo de técnica é capaz de trazer mais durabilidade para as edificações, pois age evitando que a água, da chuva, da lavagem ou do banho possa danificar as paredes.

Com isso, a impermeabilidade evita os danos causados pela infiltração, como a insalubridade dos ambientes, umidade e fungos bolor.

No caso das paredes externas, a impermeabilização age evitando também os danos causados pela exposição a altas temperaturas, pois as paredes, por mais resistentes que sejam, se expostas a mudanças radicais climáticas e também à temperaturas altas, se tornam vulneráveis a fissuras e trincas com o decorrer do tempo.

Por isso, vista a importância da impermeabilização das paredes externas, veja como fazê-la.

Danos nas paredes externas sem impermeabilização

impermeabilizante paredes externas pintada

As paredes externas muitas vezes não são alvo da impermeabilização, isso porque em geral as pessoas se preocupam principalmente com a parte interna das construções devido às infiltrações.

Porém, as paredes externas necessitam de impermeabilização tanto quanto o lado interno.

A parede externa sofre com as diferentes temperaturas e, se não estiver impermeabilizada, pode resultar na umidade e infiltração da parede interna.

Além disso, a parede pode ficar com manchas depois das chuvas, danificando a pintura e, com o tempo, a estrutura da construção.

O resultado são paredes internas descascadas e com mofo. Por isso, o ideal é impermeabilizar as suas paredes externas o quanto antes.

O impermeabilizante é transparente e não causa danos à pintura ou à construção, agindo apenas como uma película protetora da parede, que pode ser aplicada na construção usada ou nova.

Passo a passo da impermeabilização

Antes de começar a impermeabilizar a sua parede, é necessário lixar toda a superfície para deixar a parede lisa e pronta para receber o produto.

Para isso, utilize uma espátula em aço, que vai tirar qualquer parte solta da parede, caso contrário o efeito do impermeabilizante, assim como sua fixação, poderão ser comprometidos.

Sem dúvidas, depois de lixar você perceberá muitos resíduos e poeira. Retire todos esses resquícios de pó para só depois fazer a aplicação do impermeabilizante.

Agora é hora de preparar o impermeabilizante conforme as instruções para fazer a aplicação.

Faça a primeira aplicação utilizando um rolo ou pincel, espere secar totalmente para somente depois fazer a aplicação da segunda camada de impermeabilizante.

Vale lembrar que o impermeabilizante é utilizado apenas em construções de alvenaria.  Para a parede externa recomenda-se ainda utilizar tinta emborrachada que conta com o impermeabilizante em sua composição.

Os impermeabilizantes também apresentam preços acessíveis no mercado, considerando que na parede externa eles podem ser aplicados por qualquer pessoa, desde que sigam corretamente as instruções do produto.

A dica é verificar também se existe outra parede próxima infiltrando água, nesse caso, antes de impermeabilizar instale uma calha.

Entre os diversos produtos oferecidos no mercado estão os que mais se destacam como o Ciplak, Viapol e Vedacit.

Antes de comprar o produto impermeabilizante para a parede externa, converse com um profissional para saber qual a solução mais indicada e qual produto você deve utilizar.

Paredes externas com infiltração o que fazer para resolver isso de uma vez por todas?

Leia também: Como fazer impermeabilização negativa e usar cimento cristalizante