O que é Impermeabilização | Na construção civil e os diferentes tipos em objetos

A impermeabilização é uma das técnicas essenciais aplicadas principalmente nas edificações. A impermeabilização serve para proteger as estruturas e superfícies de concreto das infiltrações da água do banho, de lavagem ou da chuva. A impermeabilização contribui para a maior durabilidade dos imóveis, pois protege também do mofo, dos fungos e da umidade, e ainda colabora trazendo qualidade de vida para o usuário ou proprietário do empreendimento.

A impermeabilização evita a ação das infiltrações, que além de danificarem a aparência das estruturas, agem atingindo os revestimentos, a alvenaria e a ‘ferragem’(armadura da construção). De acordo com pesquisas dos problemas encontrados em edificações, 85% estão ligados a vazamentos e infiltrações. Além disso, a impermeabilização não é uma vantagem para alguns imóveis, mas sim uma necessidade para todas as construções, pois ela age preservando a edificação, mantém a salubridade dos ambientes e a sua conservação.

É por isso que a edificação deve ser impermeabilizada desde o alicerce. A começar pela parede de contenção no subsolo, a laje de piso e baldrames que já precisam ser impermeabilizados. A impermeabilização pode ser feita de várias formas, utilizando-se de mantas, emulsão asfáltica, soluções e aditivos.

Impermeabilização: rígida ou flexível

o que é impermeabilização na construção civil

A impermeabilização se divide em dois tipos, que se diferem pela sua utilização. A primeira delas é a impermeabilização rígida, utilizada nas superfícies que não sofrem com os danos causados pela variação de temperatura.

Isso porque esse tipo de impermeabilizante não acompanha a estrutura, por isso não deve ser utilizado nas superfícies suscetíveis a trincas e fissuras. Essa impermeabilização é feita a base de cimento, para formar uma proteção mais eficaz. Sua utilização se restringe apenas a locais com estabilidade, como poço de elevador, baldrame de fundação, piso externo, reservatórios semienterrados e piscinas enterradas.

A forma de impermeabilizar flexível pode ser utilizada nas edificações expostas às mudanças climáticas, como a radiação solar direta ou a chuva, que podem resultar em umidade, trincas e infiltrações. A forma de impermeabilizar flexível pode impermeabilizar áreas como varandas, coberturas, terraços, lajes pré-moldada maciça ou mista, piscinas suspensas, calhas grandes e piso frio.

Veja também:

 

Onde aplicar tais impermeabilizantes

Tais impermeabilizantes devem ser aplicados em todas as estruturas que ficam expostas à água, seja em vapor ou líquida, em períodos constantes ou temporários. Sendo que devem ser impermeabilizados sacadas, terraços e lajes que se expõem a água da chuva, área de serviço, jardineiras, piscinas, banheiros, poço de elevador, caixa d’água, saunas, pisos e paredes que possuem contato direto com o solo.

A impermeabilização adequada é capaz de acabar com aquela umidade constante no banheiro trazendo maior limpeza para o ambiente. O impermeabilizante também combate a umidade das paredes que trazem bolor para os cômodos da casa, e até mesmo para dentro dos armários, danificando roupas e sapatos.

É por isso que impermeabilizar é tão importante quando o resto do acabamento, pois ela também conserva a pintura e o revestimento utilizado nas paredes, piso e teto das edificações. E tão importante quanto a técnica, é escolher os produtos adequados e de qualidade, por isso procure ajuda de um profissional na hora de impermeabilizar seu imóvel.

 

Vídeo | O que é impermeabilização

https://youtu.be/fK5MJQutXME

 

Deixe uma Nota para Este Artigo!

Avaliação média: 4.6
Total de Votos: 232

O que é Impermeabilização | Na construção civil e os diferentes tipos em objetos

Deixe um comentário

*